CdP: Artífice


artifice1

“ Só mais alguns detalhes e esta belezinha vai ficar pronta. ” – Terlin um artífice anão

Durante muitos séculos os equipamentos são forjados nos centros das cidades, por exímios ferreiros e armeiros. Eles são capazes de criar itens magistrais, de qualidades magnificas, que permitiram aos mais diversos guerreiros de produzir feitos milagrosos contados nas histórias de bardos por gerações que ainda estão por vir, tomando assim seu espaço entre as lendas de Arton. 

Os artífices são os responsáveis por estes equipamentos magníficos.

Presos em suas fortalezas de metal anões martelam armas com uma perfeição impecável. Elfos utilizam sua magia mística para criar artefatos capazes de rivalizar com os maiores magos de Arton. Humanos se protegem com golens de pedra em laboratórios cheios de mistérios com a mistura de diversas poções e magias. 

Em cada martelada de um Artífice está o esforço que irá criar as Armas usadas pelos Heróis e Vilões das lendas, como também as armaduras e os escudos que protegerão as suas vidas tão frágeis destes personagens, a poção que eles usam em momentos de perigo. 

Mas quem disse que Heróis ou Vilões não podem ser Artífices? Quem teve esta ideia infeliz!?

Na verdade, a maioria deles já foram aventureiros anos antes de entrarem nesta profissão, sendo que alguns desses preferem sair dos seus laboratórios e castelos para conseguir suas próprias matérias primas.

Muitos Artífices viajam em grupos de aventureiros para adquirir experiência; outros preferem a segurança das suas torres e castelos; uns se confortam nas fortalezas dos reinos, trabalhando por um governo; entre outros que trabalham dentro de igrejas suprindo-as com itens divinos; outros fazem alianças e trabalham como verdadeiros contrabandistas; mas a maioria absoluta é compostas por magos que já tiveram suas aventuras na juventude, por isso vivem torres e mansões nas principais cidades aproveitando do conforto da sua profissão extremamente lucrativa.

Pré-requisitos:

  • BBA +4
  • Perícias: Treinado em Identificar Magia, treinado em Conhecimento (arcano), treinado em pelo menos dois Ofícios que criam itens;
  • Talentos: Criacionismo;
  • Magias: capacidade de lançar magias de 3º nível. (arcanas ou divinas)

Características de Classe

Pontos de vida: um mestre artífice recebe 3 PV (+ mod. de Con) por nível.

Nível BBA Habilidades de Classe
+0 Conhecimento de Criador, Técnica de Fabricação, Maestria, Magias
+1 Infusão, Desencantar, Técnica de Fabricação
+1 Golem Protetor, Técnica de Fabricação
+2 Engenharia Reversa, Técnica de Fabricação
+2 Economia de Materiais, Profissional pleno

Habilidades de Classe

Magias: níveis de Artífice acumulam com níveis numa classe conjuradora que o personagem já possua para propósitos de magia conhecidas e PM.artifice2

Conhecimento de Criador: o Artífice aprende novas magias de profissão. Você adiciona uma magia da lista de magias divinas ou arcanas de um nível que possa lançar. Estas magias só podem ser utilizadas para a habilidade Infusão, ou para criar itens mágicos. 

Exemplo: um Mago 8 Artífice 4 Clérigo 2 não pode escolher uma magia arcana de 9º nível, mas pode escolher uma magia divina de 6º nível. 

Maestria: um Artífice pode criar qualquer item obra-prima para os Ofícios que tenha treinamento, mesmo sem possuir o talento Criar obra prima para aquele ofício.

Técnica de Fabricação: o Artífice entende os fundamentos da criação. No 1º nível, e a cada nível seguinte, você recebe um talento de recebe um talento de perícia ou de criação de itens.

Talentos de criação: (pesquisa no google por "craft feats" para mais idéias)
Criar Armas e Armaduras Mágicas; Criar Cajados; Criar Itens Maravilhosos; Criar Varinha; Escrever Pergaminhos; Preparar Poções; Fabricação de Qualidade; Alta Forja.

Infusão: o Artífice pode conjurar magias em objetos de forma diferente de outros conjuradores. Você é capaz de lançar qualquer magias que exigem criaturas como alvo em objetos ao invés de criaturas vivas, assim qualquer criatura que estiver usando o item recebe os efeitos da magia, todos os testes de resistências e efeitos não são alterados. Magias instantâneas que causam dano não podem ser usadas desta forma.

Construtos e outras criaturas mecânicas recebem os efeitos das magias normalmente, assim é possivel conjurar curar ferimentos leves sobre um golem de ferro.

Conjurar uma infusão exige um tempo de execução de no mínimo um minuto, caso a execução da magia exija mais tempo este deve ser utilizado normalmente. Com um ponto de ação você pode acelerar uma magia ao tempo normal.

Exemplo: conjurar Andar no Ar sobre uma bota permite andar no ar por 10 minutos, a bota não tem vontade própria, se não estiver sendo usada ela pode ser levada pela mais suave brisa.

Desencantar: com um dia de trabalho um Artífice pode desencantar um item mágico, você recebe metade da XP do item em pontos de essência, eles podem ser gastos durante a criação de itens ao invés de gastar a sua própria XP.

Golem Protetor: você cria um golem  que serve para a sua proteção. O golem não possui inteligência e deve receber ordens faladas ou por meio de gestos para agir, ele é uma criatura de Tamanho grande, sem poderes especiais e níveis na classe construto (BBA 3/4 por nível, 5 PV por nível 2+ mod. Int perícias, Fortitude Maior e Reflexos Rápidos), mas recebe talentos e pontos de habilidades como um personagem jogador. Alternativamente você pode escolher a criatura presente na ficha da magia Invocar Criaturas de mais alto nível que você pode lançar, não é preciso saber a magia, neste caso ele não irá receber talentos nem pontos de habilidades como um jogador.

O golem possui invulnerabilidade à magia, mas pode ser afetador por algumas magias específicas, assim como à habilidade infusão. Ele também pode receber aprimoramentos mágicos como qualquer outro item, adicionalmente um golem pode receber os efeitos da magia Permanência, ele pode receber todas as magias que o mago também recebe.

Construir um novo golem exige uma semana de trabalho e um gasto igual à 1.000 TO vezes o seu nível de personagem, você deve gastar XP para criar outros golens além do que o primeiro. Só é possivel controlar um golem por vez, todos os outros já criados por esta habilidades são desativados. Ativar um golem exige uma hora de trabalho.

Engenharia Reversa: um Artífice cria itens únicos com muita facilidade. Sempre que avaliar com sucesso um item mágico (não artefatos) você aprende como criá-lo, magias de criação que não são conhecidas pelo artífice podem ser aprendidas em futuros níveis com a habilidade Conhecimento do criador

Exemplo: Após avaliar uma Lâmina do sol, o Artífice aprende a criar outras Lâminas do sol, porém para criar uma destas armas, deve adquirir a magia de pré-requisito Luz cegante.

Economia de Materiais: no 5º nível um artífice pode criar itens mágicos pela metade do custo em XP e dinheiro.


A Classe é uma versão do Mestre Armeiro (TRPG) e do Artificer (D&D 3.5, Eberron Campaign Setting).

Anúncios

Um pensamento sobre “CdP: Artífice

  1. Pingback: Manual de craft de Tormenta RPG | Espada & Escudo

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s